Dia 55 – Preconceito é triste e antiquado

Estou tão desanimada hoje… Recebi uma visita inesperada que acabou com meu bom humor. Minha sogra, Ingrid, apareceu aqui em casa para conversar comigo. Estranhei um pouco, mas fui super simpática, claro, por que não seria? Afinal, em breve, estarei casada com o filho dela.
Aos poucos, com o decorrer da conversa, fui percebendo certa crueldade por parte da Ingrid. Preconceito mesmo, sabe? Aquilo foi me consumindo de um jeito que vocês não imaginam! Minha vontade era voar no pescoço dela. Sabe essas cenas que você imagina quando está com muita raiva de alguém? Então. Era isso que acontecia comigo a cada barbaridade dita por ela. Mas, fina que sou, não perdi a classe. Resolvi devolver na mesma moeda. Fui ácida e provoquei também! O que é que há? Ela vem até a minha casa, sem ser convidada, para se intrometer na minha vida? Falar sobre minha vida sexual com o filho dela? Sobre a possibilidade ou não do Miguel ter filhos comigo? A Ingrid pirou de vez! Só pode ser!
Foi o que disse aqui outro dia: as pessoas acham que quem está em uma cadeira de rodas não tem vida sexual, não pode dar, nem receber prazer. A Ingrid, infelizmente, é a representação viva de muita gente por aí. Pessoas preconceituosas, que, se pudessem, nos colocavam em um lugar bem distante, para não correrem o risco de esbarrar na rua.
O mais triste dessa história toda é imaginar como será minha convivência com ela daqui pra frente. E como será a relação dela com o Miguel, porque aposto que ela vai infernizar a vida dele – se é que já não inferniza. Contei para minha mãe sobre a visita. Falei por alto, sem entrar em detalhes, mas me arrependi… Se eu bem conheço a dona Tereza, ela não vai sossegar enquanto não tirar essa história a limpo.
Preconceito é triste e antiquado demais. Coragem, Luciana, coragem! Bola pra frente!
Bookmark e Compartilhe
Share |

9 comentários |deixe um comentario:

Thalita disse...

Luciana (Aline Moraes) admiro muito seu trabalho . Eu tenho uma irmã cadeirante ,pois ela visita seus blog todos os dias . na minha opinião nessas situações de preconceito as pessoas tem que ter muitas forças pra ganhar esse duelo entre o preconceito e a união , Isso realmentee é desespcionante ,pois vamos lutaar para um mundo melhor !! =)

Adriana Lima disse...

Bom dia lu...nossa essa sua sogra é terrivel.
bem q ja me disseram, sogra é q nem mandioca, melhor debaixo da terra...srrsr...
tem algumas q se salvam.
olha, eu tenho acompanhado vcs sempre. e ela tem q ter uma lição das voas, ela é muito preconceituosa, nao so com vc,
ela nao axa ninguem bom o suficiente p os filhos dela.
quer escolher por eles. mae nenhuma tem esse direito.
mas vc e o miguel vao conseguir passar por isso, ainda mais q nada q a mae dele fala, ainge ele. faça o mesmo, siga e sej feliz, se ela nao feliz por vcs dois, problemas dela.
e vcs terao filhos lindos, conheço um casal, ele é cadeirante e ela nao. nossa ele tem dois filhos lindos e sao super feliz, ela sempre me disse q ele realiza ela plenamente.
otimo dia p vc querida
bjos d sua fã

Adriana Lima disse...

Bom dia lu...nossa essa sua sogra é terrivel.
bem q ja me disseram, sogra é q nem mandioca, melhor debaixo da terra...srrsr...
tem algumas q se salvam.
olha, eu tenho acompanhado vcs sempre. e ela tem q ter uma lição das voas, ela é muito preconceituosa, nao so com vc,
ela nao axa ninguem bom o suficiente p os filhos dela.
quer escolher por eles. mae nenhuma tem esse direito.
mas vc e o miguel vao conseguir passar por isso, ainda mais q nada q a mae dele fala, ainge ele. faça o mesmo, siga e sej feliz, se ela nao feliz por vcs dois, problemas dela.
e vcs terao filhos lindos, conheço um casal, ele é cadeirante e ela nao. nossa ele tem dois filhos lindos e sao super feliz, ela sempre me disse q ele realiza ela plenamente.
otimo dia p vc querida
bjos d sua fã

job27 disse...

eu achei ela muito antiquada.é decepcionante ela pensar q vc ñ pode ter filhos e nem transar.conheço gente cadeirantes q vivem normalmente.

Danny disse...

Luciana(Aline Moraes)tenho 09 anos e acompanho todos os dias a novela (viver a vida) tenho uma tia cadeirante de 33 anos , e por isso adimiro muito voces
sei q por ai a fora a muitos e muitos de voces.
bj ♥
Beatriz

Danny disse...

Luciana(Aline Moraes)tenho 09 anos e acompanho todos os dias a novela (viver a vida) tenho uma tia cadeirante de 33 anos , e por isso adimiro muito voces
sei q por ai a fora a muitos e muitos de voces.
bj ♥
Beatriz

Danny disse...

Luciana(Aline Moraes)tenho 09 anos e acompanho todos os dias a novela (viver a vida) tenho uma tia cadeirante de 33 anos , e por isso adimiro muito voces
sei q por ai a fora a muitos e muitos de voces.
bj ♥
Beatriz

Danny disse...

Luciana(Aline Moraes)tenho 09 anos e acompanho todos os dias a novela (viver a vida) tenho uma tia cadeirante de 33 anos , e por isso adimiro muito voces
sei q por ai a fora a muitos e muitos de voces.
bj ♥
Beatriz

Debys Sena disse...

Eu sei que é uma postagem antiga mais eu precisava comentar sobre a situação da sua sogra! Por favor, não fala pra mim que isso existe não! Olha eu fiquei horrorizada em saber que existe ser humano cruel como ela foi... Bem, é muita indignação que eu não pude deixar meu comentário passar! Eu sou fã da sua esperança, eu aprendi tanto com a vida e não espero ter que acreditar e me conformar que o mundo as pessoas principalmente não tem mais fé. Meu namorado me chama de sonhadora, mais porque eu não posso viver sonhando mais com meus pés no chão, acreditando que o amor existe acima de qualquer coisa e que o preconceito, racismo, homofobia, e etc...são coisas do passado onde o mundo não tinha informação e respeito pelo ser humano! Lu ( se é que posso citar você assim) seja lá como for suas condições físicas, sua raça, crença ou condições financeiras, não se esqueça vc é amada e tem mãe e pai que te protegem...seja feliz!! A opinião das pessoas mesquinhas não atingem o que a gente constroi com vigor!
Um beijo enorrrrrme!!!!
Debys!